Sonhos de Liberdade

Copyright © All rights reserved

  Bebo dos teus olhos verdes Atentos, enchem-me o peito. Naquelas insignes tardes, Inda cogitas a meu respeito?   Torrentes de afeto e ternura Adejam no leito da amizade. O coração aguarda com doçura Teu espírito são, de bondade.   Às vezes perco-me em ti, Por reconhecer a tua intrepidez Que celeremente reconheci De outros …

Continue a ler